2593675 Nº Visitas

FAQ - Algumas das principais dúvidas sobre a utilização da energia solar fotovoltaica.

A Solar Brasil ao longo dos anos de experiência com o mercado de Energia Solar Fotovoltaica compilou algumas das melhores dúvidas de nossos clientes e agora vamos respondê-las em nosso site.

Fique atento e acompanhe as matérias pois com certeza a sua dúvida será respondida.

Caso tenha alguma dúvida específica envie-nos um e-mail para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. que responderemos rapidamente e ela ainda poderá fazer parte desta sessão para ajudar as outras pessoas. Veja as primeiras respostas!


1) Em relação à utilização do sistema fotovoltaico em condomínios: O sistema é capaz de gerar energia suficiente para utilização dos elevadores?
R.: SIM, é suficiente para suprir a necessidade do condomínio desde que seja planejado um sistema fotovoltaico que supra essa necessidade de consumo. Estamos falando aqui da dependência de uma área que temos que ter disponível para a instalação da quantidade de placas necessárias para que o sistema gere a quantidade de energia suficiente para suprir a demanda mensal desse condomínio.

2) A geração de energia é suficiente para suprir toda uma casa ou só para parte dela?
R.: Isso vai depender do projeto que foi oferecido para a casa. O sistema fotovoltaico é modular e você vai fazer ele de acordo com a sua necessidade de consumo. Se ela tiver um consumo mensal normal e um sistema que gere energia suficiente para suprir toda a demanda dela OK se não, ela poderá gerar energia para grande parte do consumo da casa e o que for excedente será utilizado da rede normalmente. Isso fará com que gere uma grande economia em sua conta. Mas tudo depende do projeto que foi aprovado para essa residência.


economia conta luz3) O que significa que o sistema é conectado a rede?
R.: Significa que você não vai te dar independência da rede. Você ira gerar energia em conjunto e estará conectada a rede já existente em sua casa. O sistema fotovoltaico ele gera energia secundária a rede e injeta essa energia no seu quadro fazendo que você não tenha a necessidade de modificar nada dentro da sua residência. Será necessário somente constituir um circuito para o mesmo.

4) Se eu quiser zerar o meu consumo atual de energia, isso será possível pelo sistema fotovoltaico?
R.: SIM. Como ele é feito de forma modular, o profissional fará um estudo com base no consumo mensal e anual da sua conta de energia e com esses dados montará um projeto onde o resultado gere a mesma quantidade de energia do histórico da sua conta.

5) Como eu posso saber se minha cassa / condomínio tem capacidade para gerar energia para suprir toda minha demanda mensal?
R.: Nesse caso o profissional terá que estudar a quantidade de M² disponível para instalação das placas de energia solar. Vamos supor que você tenha disponível apenas 25 m² em seu local para instalação dos módulos. De longe isso não seria o suficiente para gerar energia para um prédio inteiro, mas poderia gerar uma grande economia para a conta atual com a geração de parte dessa demanda mensal.

6) Como é feito o levantamento do custo para instalação do sistema de Energia Solar Fotovoltaica?
R.: Consumo diário dividido pela disponibilidade de radiação solar da localidade para encontrar a potência pico preliminar. São feitos outros estudos, tais como, condições de instalação do local e verificação do limite de frequência dado pelo ramal de entrada para fornecer ao cliente um projeto que valha a pena o investimento financeiro.

7) Qual o tempo de vida do Sistema de Energia Solar fotovoltaica?
R.: O tempo de vida em média estimado é de 30 anos (eficiência). Para as usinas de sistemas fotovoltaicos (Fabricantes) a garantia é de 25 anos. Para o cliente final residencial, o que normalmente se dá é uma garantia entre 5 e 10 anos contra defeitos de fabricação nos módulos fotovoltaicos.

8) O que é o ProGD (Programa de incentivo Geração Distribuída)?
R.: Em 15/12/2015 foi lançado pelo ministério de Minas e Energia as principais linhas de desenvolvimento para a geração de energia no Brasil. Veja quais são: Financiamento, Melhorias na tributação, desenvolvimento da aplicação dessas fontes em prédio públicos, formação de mão de obra, impactos elétricos e regulatórios, e diversas outras medidas que serão tomadas para fomentar a geração de energia solar aqui no Brasil. O Brasil terá até R$ 100 BILHÕES em geração Distribuída de Energia até meados de 2030.


9) Porque investir em energia solar é um ótimo negócio? 
R.:Atualemtne, a energia solar é mais barata que a energia que utilizamos das concessionárias de energia aqui no Brasil e isso se deve basicamente por que o SOL é abundante e o principal recurso para gerar essa energia. A energia das concessionárias, desde o final de 2014, vem aumentando sem parar (e a tendência é que novos aumentos das tarifas aconteçam) e por isso a geração de energia solar ficou ainda mais atrativa do ponto de vista financeiro. Uma vez que você possui um Sistema da SolarBrasil, você está imune aos aumentos tarifários, pois você passa a gerar sua própria energia e dependendo do caso você até pode obter algum lucro com isso.


10) Qual será a previsão de aumento da tarifa elétrica das concessionárias para os próximos anos aqui no Brasil?
R.: O Brasil é autamente dependente dos recursos hidrelétricos para geração de energia e como todos nós já sabemos, atualmente, vivemos um período crítico em relação as nossas represas devido ao longo período de estiagens. Nosso planejamento (Governo) não prevê a construção de novas usinas hidrelétricas devido a questões ambientais e ao esgotamento de grandes rios que suportam empreendimentos desse porte. O Consumo elétrico esperado para os próximos anos é de que vamos precisar de mais energia do que temos disponível atualmente o que configura certamente uma relação desproporcional entre oferta e demanda no País. Um provável aumento nas tarifas de enrgia elétrica é o cenário mais provavel pela tendência de imprevisibilidade.


11) Qual é a previsão do prazo de retorno do meu investimento?
R.: Atualmente o payback de um projeto de energia solar fotovoltaica varia entre 7 - 10 anos, de acordo com a região e local em que o sistema será instalado. Com a previsão de aumentos esperados da conta de energia para os próximos anos, a previsão poderá cair para 5 - 6 anos, lembrando que devemos avaliar cada caso (projeto) isoladamente.


12) Existem incentivos fiscais para instalação do sistema de energia solar fotovoltaico?
R.: Diversas cidades brasileiras estão oferecendo incentivos para micro e mini geradores fotovoltaicos. Esses incentivos podem vir como descontos em IPTU (até 20%) e Impostos como ISS e ITBI o que já é mais uma boa vantagem financeiramente falando.


13) Existe uma valorização do meu imóvel por conta do sistema de energia solar fotovoltaico?
R.: SIM. Aqui no Brasil por se tratar de uma tecnologia nova as pessoas ainda buscam informações para ter certeza de que isso é um grande diferencial, apesar de ver na prática a redução da conta de energia elétrica. Nos EUA, onde o mercado se encontra mais maduro, fontes (fonte: SunPower) dizem que existe uma valorização média de 8% nos imóveis.


14) Como funciona um sistema de energia solar fotovoltaico?
R.: Os sistemas são compostos em sua grande maioria por dois componentes principais: Os módulos (placas, célula fotovoltaica) responsáveis pela captação da luz do sol e trasformação da mesma em energia elétrica e os inversores que são responsáveis por compatibilizar a energia gerada pelas placas com a energia fornecida pelas concessionárias. Esse sistema funciona de forma completamente automática sem que haja a necessidade de intervenção humana (100% automatizado).


15) O que pode ser feito com a Energia que gero com minha residencia e não consumo?
R.: Toda a energia fotovoltaica gerada e não consumida e automaticamente fornecida para a rede publica de eletricidade. Através do nosso relógio biderecional, essa energia que foi injetada na rede publica é computada pela concessionária e gerado créditos para consumo que são descritos em sua conta com um prazo de até 36 meses para consumo. Você ainda pode utilizar esses créditos em uma outra unidade consumidora desde que esteja cadastrada na concessionária com o mesmo CPF ou CNPJ da unidade geradora.


16) Esse sistema de energia solar fotovoltaica faz muito barulho dentro de casa?
R.: NÃO. Um dos benefícios desse sistema é a não emissão de ruídos nem gases. Você não precisa alterar em nada a sua rotina.


17) Quais são os benefícios ecológicos que esse sistema nos trás? energiarenovavel
R.: O principal fator é que ele é livre de geração de gases de efeito estufa, aqueles responsáveis pelo aquecimento global climático (energia limpa). A energia do Sol é renovável e inesgotável e você ainda contribui com a redução das mudanças climáticas e a segurança energética de futuras gerações. Não tem a necessidade de alagamento ou desmatamento de grandes áreas para a construção de grandes usinas hidrelétricas.


18) É possivel utilizar todos os aparelhos elétricos / eletrônicos comuns com a Energia Solar em minha casa / escritório?
R.: SIM. Se a sua casa estiver com um projeto de instalação condizente com o seu consumo de energia mensal a sua utilização será igual a da eergia elétrica convencional vinda da sua concessionária atual.

 
19) Caso em minha região os dias fiquem nublados por muito tempo, há risco de apagão?
R.: Não. Apesar da obtenção de energia ser dependente do Sol, isso não quer dizer que em dias nublados não há radiação solar. Pelo contrário, existe radiação solar sufuciente para a geração de enrgia na sua casa / empresa. Aqui no Brasil temos condições climáticas favoráveis e ainda podemos potencializar os sistemas de energia solar fotovoltaica com placas maiores para aumentar a superfície de contato, caso seja necessário.


20) Qual a diferença entre sistemas fotovoltaicos On-grid e Off-grid?
R.: Os sistemas on-grid são aqueles conectados a sua rede elétrica existente. Ele abastece o local de instalação e ainda pode fornecer o excedente para a concessionária gerando créditos futuros para você. Já o sistema off-grid é o oposto. Ele não está conectado a rede elétrica atual e fica isolado para abastecer pontos mais distantes como: Embarcações, Radares, locais rurais isolados etc... Atualmente é o mais utilizado aqui no Brasil.

 

 

fale com a solar

Tags: energia fotovoltaica, painel solar, modulo solar, energia limpa, placa solar, painel fotovoltaico, placas solares, painel de energia solar, placas de energia solar, solar brasil, Off-Grid

Agência Next4 criação de sites