Skip links

Energizando um motorhome com placas fotovoltaicas

Motorhome, como a tradução literal sugere, é como uma “casa com motor”. Esses veículos normalmente são equipados com o básico de uma casa: cama, geladeira, fogão, chuveiro (água quente e fria) e outros itens, de acordo com a necessidade dos viajantes. É utilizada para viagens longas ou viagens em série, tanto dentro do país, como para vários países. Por isso, busca-se conseguir o máximo de conforto possível que o espaço do carro e o investimento permitem. 

Um veículo feito para viagens longas foi pensado para ser independente. É possível estar viajando em um lugar remoto, sem estrutura por algum período. Assim ele deve manter seus equipamentos elétricos funcionando com a energia acumulada e gerada no próprio motorhome. 

Alguns equipamentos que precisam ser energizados são luzes internas, eletrodomésticos como ventiladores, TV, tomadas para carregamento de celulares e notebooks, frigobar e a bomba d’água (para pressurizar a água para torneiras e chuveiro).

Idealmente, os equipamentos do motorhome devem ser 12V. Porém, é possível utilizar aparelhos em 110V ou 220V com o auxílio de um inversor. 

Quais equipamentos necessários para energizar um motorhome?

Baterias estacionárias

Os motorhomes possuem no mínimo duas baterias. A primeira cuida da ignição do motor, enquanto a(s) outra(s) são responsáveis pela eletricidade interna. 

A bateria responsável pela ignição é carregada pelo motor do carro, enquanto a bateria para uso dos eletrodomésticos precisa ser carregada de outra maneira, como através de painéis fotovoltaicos.

Conversor

O conversor é o aparelho responsável por converter a energia de corrente alternada em corrente contínua e vice-versa, estabilizando a corrente na forma digital ou analógica. É um equipamento necessário dependendo dos tipos de aparelhos conectados na rede elétrica, assim como no carregamento da bateria. 

Inversor

O inversor é responsável por transformar a corrente contínua 12V (da bateria) em corrente alternada 110/220V para eletrodomésticos no geral. É preciso estar atento à potência dos equipamentos a serem ligados no inversor. Equipamentos como chuveiros, secadores ou aquecedores, que possuem resistência e usam muita energia, podem sobrecarregar o inversor ou a própria bateria estacionária. 

Painéis solares

Uma das principais maneiras para carregar as baterias estacionárias de eletricidade interna é a instalação de módulos fotovoltaicos no teto do motorhome. Devido a limitações espaciais, é necessário fazer um cálculo das necessidades energéticas para saber se este sistema será independente ou se será necessário algum outro sistema complementar para fornecer a eletricidade necessária, como um gerador.

É preciso calcular o tamanho da necessidade elétrica durante a viagem para poder dimensionar corretamente o sistema fotovoltaico. Isso inclui tanto o consumo geral dos eletrodomésticos, como quantos equipamentos estarão ligados simultaneamente. Também é importante calcular uma margem de sobra, pois deve considerar algumas variáveis na produção energética, como dias nublados, quando o veículo está estacionado em sombra e eventuais acúmulos de sujeira nas placas, que podem diminuir sua eficiência de produção de eletricidade.

Baixe nossa cartilha sobre energia solar